Greenwich Park.

Greenwich Park – uma visita deslumbrante em Londres

Em Europa, Inglaterra, Londres, Reino Unido por Lucio Manoel0 Comments

Cobrindo 74 hectares, o Greenwich Park é o mais antigo parque real em Londres, onde há mais oito. Antigamente esses parques eram propriedades das famílias reais e seus acessos eram proibidos. Com a urbanização da cidade eles foram sendo liberados e agora podemos desfrutar de toda sua beleza.

Greenwich Park.

Greenwich Park. Foto: Francisco Antunes via Visual hunt / CC BY

Situado no topo de uma colina, os visitantes podem apreciar vistas deslumbrantes do rio Tâmisa, Catedral de St Paul, entre outros. O parque é lindo por si só, mas também possui diversas atrações interessantes. São elas:

Jardins

Há cinco jardins que você pode visitar no Greenwich Park. Dependendo da época do ano você pode ver o de rosas todo florido. Pode descansar perto do jardim de ervas, ver o Pomar da Rainha e se deslumbrar com canteiro de plantas herbáceas em frente a Queen’s House (Casa da Rainha).

Maior canteiro de herbáceas de Londres, com 200 metros. Foto: Divulgação/Royal Parks

Maior canteiro de herbáceas de Londres, com 200 metros. Foto: Divulgação/Royal Parks

National Maritime Museum (Museu Marítimo Nacional)

Foi aberto ao público em 27 de abril 1937 pelo rei George VI e tem uma coleção com mais de 2,5 milhões de itens, incluindo instrumentos astronômicos, de navegação, modelos de navios, planos, moedas, medalhas, bandeiras, uniformes, armas, além de arte histórica, cinema e fotografia.

Vista do Museu Marítimo.

Vista do Museu Marítimo. Foto: Vince O’Sullivan via Visualhunt.com / CC BY-NC

The Meridian Line (Linha do Meridiano)

Conhecido como Meridiano de Greenwich ou Meridiano Principal, ele divide o globo terrestre em Ocidente e Oriente, permitindo calcular distâncias em longitudes e estabelecer os fusos horários. Ao contrário do que eu imaginava, a região de Greenwich que deu nome ao meridiano.

Marcação no chão definindo onde passa o meridiano. Foto: Divulgação/Royal

Marcação no chão definindo onde passa o meridiano. Foto: Divulgação/Royal

The Royal Observatory (Observatório Real)

É o escritório e centro de pesquisas do Meridiano de Greenwich. Foi fundado em 1675 com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento dos conhecimentos astronômicos essenciais à navegação. Está localizado no topo da colina íngreme do parque.

A vista do observatório é linda quando se está na parte mais baixa do parque. Foto: Divulgação/Royal

A vista do observatório é linda quando se está na parte mais baixa do parque. Foto: Divulgação/Royal

Monumentos, memoriais e estátuas

No parque você também pode encontrar o relógio de sol Millennium Sundial e a estátua em homenagem a General James Wolfe. Também há o coreto que foi erguido em 1891 e é usado como um ponto de encontro tradicional para atividades de lazer e eventos patrocinados.

As três atrações na sequência. Fotos: Divulgação/Royal

As três atrações na sequência. Fotos: Divulgação/Royal

Vida selvagem

Greenwich é o mais antigo dos parques de veados de Londres e tem sido o lar de Veado Vermelho e do Gamo, espécie parecida com o veado. Eles ficam nas regiões menos populares do parque que também acolhe diversos outros tipos de vida selvagem, como pássaros, morcegos, besouros, etc.

Eles ficam em uma parte reservada no parque. Foto: Divulgação/Royal

Eles ficam em uma parte reservada no parque. Foto: Divulgação/Royal

Na nossa última visita à cidade conseguimos mais tempo para ver nossos amigos que moram lá, eles abriram uma brecha na correria do dia a dia e nos levaram para passear. Foi assim que conheci o Greenwich Park que para minha surpresa não tinha muitos turistas, e sim, moradores da cidade. Fora que estava fazendo um sol que, para Londres, era escaldante. Por isso acabamos brincando com meu filho nos parquinhos e em um banco de areia enorme e cheio de crianças. Ou seja, não vimos nenhuma das tantas atrações que citei acima. Uma pena, vai ficar para próxima!

No disputadíssimo escorregador. Foto: Tássia Alves

No disputadíssimo escorregador. Foto: Tássia Alves

Nem parecia que estávamos em Londres. Foto: Tássia Alves

Nem parecia que estávamos em Londres. Foto: Tássia Alves

Clique aqui para acessar o site oficial do parque (em inglês).

Onde?

Leave a Comment